LOGIN :
blog clássicos

O que é um Veículo Clássico?

Automóveis Automóveis Clássicos

Muitos dos nossos parceiros fazem-nos esta pergunta. E faz sentido: a dúvida existe quando estamos perante um veículo que tem mais de 20 anos e até está em bom estado de conservação. Mas será mesmo uma viatura clássica?

Por clássico entende-se algo que não passa de moda, seja pelas suas características de qualidade (técnica, estética), pela sua importância histórica, raridade (ou exclusividade) ou pela sua relevância afetiva.

O facto de um veículo ter mais de 20 anos não é por si só garante de que possa ser considerado um clássico: há que ter em conta outras características. Por exemplo, um fiat punto de 1995 não é considerado habitualmente um veículo clássico. Mas a marca, modelo, motor e a popularidade são efetivamente fatores a ter em conta.

Um veiculo clássico não é utilizado diariamente: apenas circula em deslocações esporádicas ou passeios de fim de semana. É mantido normalmente em boas condições em garagem.

Mas nem todos os veículos se encontram apenas em museus. Alguns exemplos de veículos clássicos que podemos encontrar quando andamos pelas ruas de Portugal são o Jaguar E type S2 de 1969, o Alfa Romeo Spider, o Ford Escort RS2000, ou oPorsche 924, entre outros.

Estes automóveis fazem parte da nossa herança técnica e cultural. Os modelos destes veículos eram uma representação das tendências de estética na sua altura, se bem que normalmente os carros clássicos são modelos que não foram produzidos em massa e a que toda a gente tinha acesso.

É importante preservar esta herança cultural nos nossos dias. Quem já viu um clássico na estrada conhece aquela sensação de nostalgia que nos leva a outros tempos.

São muitos os amantes destes carros, e sabemos que muitas vezes os colecionadores investiram muito tempo e dinheiro num clássico, pelo que o valor afetivo também é um fator relevante. Um dos automóveis clássicos mais conhecidos pela maioria das pessoas é o modelo A da Ford mas não temos de ir tão atrás no tempo para encontrar veículos que merecem a nossa admiração e cuidado. 

Afinal, um clássico é um automóvel que é raro, bem preservado, com mais de 20 anos, de utilização esporádica e com valor afetivo para o seu colecionador.

Por Mafalda Costa, Gestora de Rede

Fale connosco